agosto 02, 2018

Por que utilizar a palmilha de silicone é importante?

em agosto 02, 2018

8 comentários
Por exigência de algumas profissões, existem pessoas que acabam ficando em pé por muito tempo. No dia a dia, essa é uma atitude que pode causar problemas, principalmente da cintura para baixo, por conta da pressão que pernas e pés acabam sofrendo. 
Para atenuar os problemas de postura, um dos itens mais importantes que se precisa ter é a palmilha de silicone. Opção prática e econômica, ela pode ser colocada em qualquer tipo de calçado, servindo para qualquer situação também. 

Entretanto, esse tipo de palmilha não precisa ser utilizada apenas para momentos pontuais. Bastante comum entre os brasileiros, problemas como dor nas costas também podem ser muito bem combatidas com a utilização de uma palmilha para os pés
Segundo um estudo, realizado pela Escola Nacional de Saúde Pública e pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), 36% da população possui algum tipo de problema ou dor nas costas. 

Pensando nisso, o blog separou algumas dicas de cuidados com o corpo na hora de escolher e utilizar a palmilha de sapato correta para a sua necessidade. 

Entenda a finalidade de uma palmilha de silicone 

Algumas estatísticas da Organização Mundial da Saúde (OMS) trazem a estimativa de que 80% da população no mundo irá passar por algum tipo de problema de dores, resultado de má ergonomia, em algum momento da vida. 
Balconistas, atletas, recepcionistas e demais pessoas que passam muito tempo em pé, ou em movimento, geralmente, acabam sendo os primeiros a sentirem os problemas de impacto postural. Entretanto, o fator sedentário, aliado às pessoas que não praticam exercícios regularmente, também provoca prejuízos para a coluna. 

Longas caminhadas e a utilização contínua de escadarias também acabam comprometendo as pernas e os pés, já que são exercícios que causam um impacto grande a essas regiões. 
E é nesse ponto de cuidado com o corpo que a palmilha anatômica entra em ação. Juntamente com um sapato confortável, esse é o acessório que ajuda a proporcionar um maior conforto e a redução de dores na região. 

A palmilha de silicone entra em jogo para ajudar a prevenir lesões nas articulações, tendões, joelhos e tornozelos. Feitas em diversos modelos e materiais especiais, como a palmilha de gel, todas elas possuem um sistema que atenua os impactos dos pés com o solo. 
O silicone proporciona uma resistência melhor e uma maior capacidade de amortecimento, quando se está com a postura correta. Por ser macio e flexível, ele é ideal para uma utilização diária por pessoas que praticam esportes e exercícios físicos todos os dias. A palmilha ou calcanheira escolhida deve ser colocada dentro do calçado para acomodar os pés. 

Comece essa utilização aos poucos. Nos primeiros dias, faça isso apenas na parte do treino, aumentando o tempo de uso conforme os pés forem se adaptando ao modelo escolhido, seja a palmilha de calcanhar ou a para a sola inteira. 
Quando usar a palmilha ortopédica? 
Na hora de prevenir as lesões que acontecem por conta de má postura, uma palmilha de silicone básica já dá conta do recado, sendo extremamente eficaz. Porém, se o problema já existe e acaba prejudicando a saúde, o recomendado por especialistas é que se utilize palmilhas ortopédicas ou corretivas. 
Geralmente, esse tipo de palmilha é fabricada por profissionais de fisioterapia ou técnicos em ortopedia, já que elas requerem uma prescrição médica, sendo feitas a partir das características específicas de cada uma das pessoas depois que elas passaram por uma avaliação completa de pisada e postura. 
Além disso, antes de a palmilha ortopédica ser realmente fabricada, ela ainda passa por uma série de teste de mobilidade e equilíbrio, para ver se o paciente que irá usufruir dos seus benefícios pode utilizá-la sem medo de se machucar. 

Dentro da correção de problemas e desequilíbrios posturais, é costume aplicar uma técnica chamada de podoposturologia, que acaba incluindo a utilização das palmilhas ortopédicas feitas sob medida. Esse procedimento tem o intuito de complementar o tratamento de cifoses, hérnia de disco, escoliose e lordose. 
Enfim, seja um trabalho de má ergonomia, dores nas costas, quadris, pernas ou pés, tudo pode ser resolvido com a utilização de uma palmilha de silicone. Além disso, diferentes tratamentos de esporão calcâneo, joanete e fascite plantar podem acabar precisando do acessório. 


8 comentários:

  1. Lu muito bom o post falando desse assunto, pra quem fica muto em pé é preciso ter cuidados, super válido o uso da palmilha de silicone é de uma grande ajuda, excelentes as dicas ajudou muito saber mais sobre o assunto bjs.

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Que dica excelente 😀 eu sempre faço caminhada e fico com dor nos pés. Vou usar palmilha de silicone 😉

    ResponderExcluir
  3. Ótimas informações!! Acho que estou precisando usar palmilhas de silicone nos meus calçados. Vou passar essas informações para os familiares!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Que top essa palmilha de silicone.Super eficaz e ótima para a saúde.Meu marido está precisando! Gostei de saber sobre ela!

    ResponderExcluir
  5. Oi
    adorei as dicas,estava precisando de dicas assim,ainda eu mais eu que ando muito.

    ResponderExcluir
  6. Menina, eu não sabia de nada disso! Já tinha visto essas palmilhas de silicone em algumas lojas, inclusive minha mãe tem uma, mas não sabia que tinha tantos benefícios, já quero uma pra chamar de minha.

    ResponderExcluir
  7. É uma coisa que nem damos bola, mas que tem uma importância muito grande. Todo mundo tem que ler o teu post. Parabéns. Beijo

    ResponderExcluir
  8. As dicas do seu post sobre o uso da palmilha de silicone estão ótimas.
    Preciso comprar urgente palmilhas para mim, tenho muita dor na coluna.
    Bjinhos,
    www.prosaamiga.com.br

    ResponderExcluir

TOPO

Instagram